Como lidar com dependentes químicos

Conteúdo

Como lidar com dependentes químicos Quando conhecemos um amigo ou familiar que foi arrastado para a dependência química, ficamos muito preocupados. Você sabe como lidar com dependentes químicos?

E quando esta pessoa começa a procurar ajuda, surgem muitas questões e não temos a certeza de como ajudá-la da forma correta.

Como lidar com dependentes químicos

O intuito desse post e te ajudar a saber como lidar com dependentes químicos é o que fazer para ajudar o mesmo.

Como lidar com dependentes químicos no tratamento não é fácil.

É necessário que todos à sua volta também se tratem a si próprios para que o sucesso chegue ao fim da batalha.

Na maioria das vezes, os dependentes químicos recebem muito julgamento e pouco apoio.

Palavras associadas a desvio de caráter, falta de fé ou fraqueza são impiedosamente desencadeadas contra eles.

É necessário saber que estão a passar por uma doença como qualquer outra e embora não exista cura, existe tratamento.

Por conseguinte, é essencial que nesta fase saiba como tratar corretamente.

Com isto em mente, separamos algumas dicas úteis e fáceis de seguir que o ajudarão muito neste momento, para que saiba Como lidar com dependentes químicos no tratamento.

Como lidar com dependentes químicos: 5 dicas de como você deve agir?

Como lidar com dependentes químicos

O apoio da família e dos amigos faz parte do processo de reabilitação dos nossos entes queridos, uma vez que é comum que não comecem ou desistam depois de começarem.

Por conseguinte, a sua ajuda da forma correta fará toda a diferença durante o tratamento.

A mente de um dependente químico é um dos pontos mais afetados pelo abuso de drogas.

Não é surpreendente que a classificação destas substâncias seja feita de acordo com o nível de alteração causado no Sistema Nervoso Central (SNC).

Seguindo esta categorização, existem três tipos de efeitos psicológicos que as drogas podem desencadear num indivíduo: depressivo, estimulante e perturbador.

Por outras palavras, a mente da pessoa Como lidar com dependentes químicos pode funcionar mais lentamente, mais depressa e de forma anormal, respectivamente.

As crises de retirada são uma resposta do organismo à ausência da substância causadora de dependência.

Como lidar com dependentes químicos

Esta condição é bastante comum durante o processo de desintoxicação.

As reações do corpo à falta de drogas podem ser tanto físicas como psicológicas. Embora não exista um padrão fixo, entre os principais sintomas característicos da abstinência, podemos mencionar:

  • Irritabilidade
  • Aumento do apetite
  • Confusão mental
  • Ansiedade
  • Perturbação do sono
  • Comportamento compulsivo.

Por conseguinte, recomendo sempre que se procure ajuda médica imediata, quando eu falo ajuda médica uma clínica de reabilitação vai te ajudar a controlar essas emoções e ir eliminando esse problema.

Cabe-lhe a si, familiar ou amigo do doente, encorajar a procura de tratamento e oferecer qualquer apoio emocional necessário.

Aqui estão cinco dicas que o ajudarão muito a Como lidar com dependentes químicos:

Como lidar com dependentes químicos

1. Esteja sempre por perto

O tratamento da dependência química não é um momento fácil.

Portanto, mostre ao seu ente querido com palavras e atitudes que o ama e que estará sempre por perto, apoiando-o nesta difícil decisão.

2. Seja muito compreensivo

Tente compreender o que está a passar pela mente de um viciado em tratamento.

Compreender que eles estão a passar por um período muito conturbado.

Para um dependente químico, o uso de drogas torna-se tão avassalador que não há forma de recuperar por si só.

Diga-lhes que compreende que eles estão a sofrer, que se sentem inseguros, e é por isso que não os julga.

3. Tente deixar a pessoa desfrutar das coisas simples.

Coisas simples como jantar com amigos ou um filme de domingo à tarde são óptimas para quem passa por tratamentos e, como resultado, o olhar inquisitivo da sociedade.

Mostre-lhes que há formas de viver a vida de uma forma muito mais plena, com amigos e pessoas que ama.

Como lidar com dependentes químicos

Tentar levar a pessoa a lugares agradáveis, calmos e tranquilos e evitar qualquer coisa que lhe faça lembrar o vício.

Este é um dos segredos de como tratar um dependente químico em recuperação.

4. Seja paciente

A reabilitação é lenta, leva tempo e muda muito de pessoa para pessoa.

Compreender que o viciado sofre de algo que é maior do que ele ou ela, e que a força de vontade precisa de ser reforçada todos os dias.

Portanto, seja paciente se a pessoa recair, se sentir medo, ou mesmo se tentar desistir.

Não deixe a pessoa ceder à depressão e cair de novo no mundo das drogas.

Mostre interesse na forma como o viciado se sente

Escute-o muito, mas não o obrigue a falar, mas mostre que está sempre por perto para ouvir o que ele ou ela está a sentir.

A melhor maneira de saber Como lidar com dependentes químicos em recuperação é colocar-se no seu lugar, ter empatia.

Como lidar com dependentes químicos

Permanece um amigo que está disposto a ajudar e a dar mais amor e apoio do que nunca.

 Aprenda a Como lidar com dependentes químicos

Quando o viciado procura ajuda especializada através da clínica de reabilitação voluntária, o processo de reabilitação torna-se menos árduo.

No entanto, frequentemente, no auge do tratamento, o viciado químico sofre uma sobrecarga e é incapaz de continuar.

 

O mundo pode cair de costas e esse sentimento de desânimo e rendição pode também contaminá-lo.

Com a ajuda de especialistas profissionais é possível fazer o viciado compreender a razão do seu tratamento.

Ultrapassando as barreiras da resistência e criando um laço de confiança com tudo o que está relacionado com o seu processo de reabilitação.

Como lidar com dependentes químicos

Não desanime, a resistência é bastante comum, mas com a ajuda de profissionais bem treinados é possível ultrapassá-la e conseguir a continuidade do tratamento.

Não importa a sua vontade e paciente, sabemos que tratar uma dependência química é complicado para o leigo.

Então recomendo que busque uma clínica de recuperação que saiba como lidar com o problema e te ajudar a enfrentar esse momento tão difícil na vida de um dependente químico.

O texto acima “Como lidar com dependentes químicos” é de direito reservado. Sua reprodução, parcial ou total, mesmo citando nossos links, é proibida sem a autorização do autor. Plágio é crime e está previsto no artigo 184 do Código Penal. – Lei n° 9.610-98 sobre os Direitos Autorais.

Tags desta página:
Como lidar com dependentes químicos
0 +
Visitas Mensais em nossa Clínica
0 +
Famílias Atendidas Mensais
0 +
Pacientes em Tratamento Por Ano
0 +
Abrangências em Estados brasileiros

Remoções 24 horas

O vício é imprevisível e começa a controlar a pessoa sem que ela perceba, ou seja, consequentemente algumas atitudes são tomadas sem que o dependente tenha conhecimento dos malefícios que estão causando e a solução mais plausível é iniciar o tratamento em um clínica de reabilitação.

Nossa equipe está em prontidão para remoção 24h por dia em qualquer região do Brasil através de ambulâncias equipadas, ou se a família preferir possuímos também carros descaracterizados para ações mais privativas e discretas.

Aceitamos Todos os Planos de Saúde

Fale com um de nossos consultores de plantão atendimento 24 horas via Whatsapp

Plano de Saúde amil
Plano de Saúde Unimed
Plano de Saúde SulAmérica
Plano de Saúde Cassi
Plano de Saúde Bradesco